Apreensão de madeira em Comodoro. Foto: Fiscalização Sema/MT

Apreensão de madeira em Comodoro. Foto: Fiscalização Sema/MT

Fernanda Nazário/SEMA-MT

A equipe de fiscalização da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) de Cáceres apreendeu 350 m³ de madeira em tora extraída ilegalmente em um sítio, no município de Comodoro (446 km de Cáceres e 643 km a sudoeste da capital), durante uma operação realizada em parceria com a Polícia Ambiental de Cáceres, Polícia Judiciária Civil e Exército Brasileiro na fronteira com Rondônia e Bolívia.

Além da madeira, que equivale a montante de 10 caminhões, foi apreendido um trator de esteira que está na Delegacia do Município. Como medida punitiva, o diretor da unidade de Cáceres, Luiz Sergio Lara, informou que o responsável por esse crime terá que pagar também uma multa de R$ 92 mil.

“Para garantir isso já emitimos um alto de inspeção, alto de infração, alto de apreensão, embargo, termo de fiel depositário, relatório técnico e notificação. Esperamos que ele não volte a agredir o meio ambiente”.

O diretor ainda revela que o responsável vai responder por extração irregular de madeira e violação à área de proteção permanente (APP) que corresponde a uma área de desmate de 1 hectare. Sobre a madeira, como não havia meios de transportá-la naquele momento, o próprio infrator está como fiel depositário até a requisição pelo Ministério Público Estadual (MPE), mas a proposta é que seja doada para o conselho da comunidade.

“Essa é uma região, além da pecuária e agricultura, tem forte comércio de madeira com Rondônia e também com Cuiabá.”

Apreensão de madeira em Comodoro. Foto: Fiscalização Sema/MT

Apreensão de madeira em Comodoro. Foto: Fiscalização Sema/MT