Corrida da Fórmula E será realizada em novembro de 2014, unindo esporte e sustentabilidade.  Foto :Divulgação

Corrida da Fórmula E será realizada em novembro de 2014, unindo esporte e sustentabilidade.
Foto :Divulgação

Por Gabriel Felix/CicloVivo

O Rio de Janeiro será uma das cidades a receber a próxima edição da Fórmula E – maior campeonato de carros elétricos do planeta – realizando as corridas no Aterro do Flamengo, em novembro do ano que vem. O evento tem grande importância para o automobilismo e para a tecnologia voltada à sustentabilidade, colocando em pauta importantes temas relacionados à mobilidade urbana sustentável e aos novos veículos não poluentes.

O veículo elétrico da Renault, sempre destaque no site da Fórmula E. | Foto: Divulgação

O veículo elétrico da Renault, sempre destaque no site da Fórmula E. | Foto: Divulgação

O campeonato tem início em setembro de 2014 e as corridas só acabam em junho de 2015. Na primeira temporada, o evento contará com a participação de dez equipes concorrentes, cada uma com dois pilotos, responsáveis por mostrar o desempenho dos carros não poluentes. Uma delas é a Venturi Grand Prix, fundada pelo ator Leonardo DiCaprio. A Fórmula E funciona como um “campeonato internacional aberto”, em que os fabricantes de automóveis podem usar as pistas para mostrar suas principais inovações.

As equipes Virgin (superior) e E. Dams mostram seus automóveis de corrida. | Fotos: Divulgação

As equipes Virgin (superior) e E. Dams mostram seus automóveis de corrida. | Fotos: Divulgação

A FIA também estabeleceu que a Fórmula E vai além das disputas livres da queima de combustíveis nas pistas, unindo não apenas o automobilismo e as novas tecnologias, mas trazendo também inovações da ciência, do design e do entretenimento. Os ingressos começarão a ser vendidos em 2014, e dão, também, direito a uma sessão de treinos. Cada corrida realizada terá duração de uma hora e também contará com uma apresentação musical.