Stella foi lançado no mês de setembro por estudantes holandeses. Foto: Divulgação

Stella foi lançado no mês de setembro por estudantes holandeses.
Foto: Divulgação

Redação Ecodesenvolvimento

Em setembro, noticiamos aqui no EcoD a respeito do Stella, primeiro automóvel tamanho “família” movido exclusivamente a energia solar, construído por estudantes da Universidade de Tecnologia de Eindhoven, na Holanda. Ao lançarem o protótipo, os idealizadores afirmaram que iriam participar da World Solar Challenge 2013, uma corrida de três mil quilômetros pelo deserto australiano do Outback, entre os dias 6 e 13 de outubro.

O resultado não poderia ser melhor: o Stella foi o vencedor desta edição. O veículo possui um design aerodinâmico e foi construído com materiais leves, como carbono e alumínio. O carro possui ainda luzes de LED e display touchscreen, que transforma todos os botões e puxadores supérfluos em uma experiência de cabine intuitiva, ativada com com um volante de expansão e contração que avisa ao usuário se ele está indo muito lento ou muito rápido.

Veja o vídeo de apresentação do Stella:

Segundo os criadores do carro solar, o veículo possui quatro assentos e o conjunto de baterias alimentadas pela energia solar garante uma autonomia de até 597 km ou mais, de acordo com as condições do sol.

Com velocidade máxima de 120 km/h e média de 67 km/h, o automóvel utiliza apenas cerca da metade da energia que as células solares geram. Além disso, o carro já possui placa de licença e registro para trafegar nas estradas. Quem sabe em um futuro bem próximo os carros movidos a energia solar possam ganhar as ruas de todo o mundo, não é mesmo?