O primeiro colocado na lista é o brócolis, que reforça a imunidade do corpo. - Foto: Tofutti Break/Flickr

O primeiro colocado na lista é o brócolis, que reforça a imunidade do corpo. – Foto: Tofutti Break/Flickr

Redação Ciclovivo

Um grupo de pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) realizou um estudo para indicar a quantidade de água presente em alguns dos alimentos que consumimos. A pesquisa apontou que até os pratos mais calóricos – como a batata frita – podem ajudar a hidratar o corpo. Além disso, é nos alimentos sólidos que encontramos cerca de um terço da água necessária para o organismo.

No inverno, é importante mantermos nosso corpo bem hidratado, portanto, o consumo de alimentos ricos em água não substitui o consumo do líquido. Porém, as comidas que melhoram a hidratação do corpo são indispensáveis para uma dieta balanceada, rica em nutrientes. Um estudo elaborado pelo Departamento de Alimentos e Nutrição Experimental da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo (USP) separou as comidas mais ricas em água:

Brócolis – 98% de água em uma xícara de chá
O primeiro colocado na lista é uma completa fonte de ácido fólico, que também oferece uma boa dose de antioxidantes, fibras, cálcio e vitaminas – principalmente a C, que reforça a imunidade do corpo e espanta gripes e viroses, comuns nesta época do ano. Além disso, os brócolis protegem o coração, melhoram o funcionamento do intestino e não têm contraindicações.

Melancia – 94% de água em 100 gramas
Em segundo lugar fica a melancia, que deve ser consumida mesmo com as temperaturas em baixa. Além de ser saborosa, a fruta é excelente para desintoxicar o corpo, limpar os rins e proteger o coração. A melancia ainda ajuda na prevenção de vários tipos de câncer.

Pera – 87% de água em 100 gramas
A fruta que aparece em terceiro lugar é aliada de quem pretende emagrecer e eliminar gordura localizada. Rica em fibras, a pera auxilia a digestão e evita a prisão de ventre, além de ajudar a tratar a hipertensão e prevenir vários tipos de câncer – como o de cólon, bexiga e próstata.

Arroz integral cozido – 84% de água em uma escumadeira
O arroz integral alivia o fluxo intestinal, ajuda a emagrecer, elimina a sensação de inchaço e protege o sistema nervoso. Fora isso, o arroz especial não contém glúten e melhora o metabolismo da glicose dos diabéticos. O mais indicado é que os grãos sejam cozidos por pouco tempo, para não perderem os nutrientes oferecidos.

Em quinto lugar, fica o arroz branco, seguido pelo feijão cozido, maçã Fuji e carne bovina moída refogada. No décimo lugar, estão igualadas a banana prata e a batata frita – que concentram 50% de água. Com informações da Revista Cyan.