Para quem devolve a antiga peça, a loja online oferece até 20% de desconto na próxima compra e até paga o transporte do retorno. Fotos: reprodução

Para quem devolve a antiga peça, a loja online oferece até 20% de desconto na próxima compra e até paga o transporte do retorno. Fotos: reprodução

Redação Ecodesenvolvimento

Quem tem ou já teve filho pequeno sabe como ele cresce rápido e acaba perdendo roupas com facilidade, e muitas delas com pouco uso. Mas três empresários alemães – Alexander Reichhuber, Sebastian Schmoeger e Rob Rebholz – tiveram uma ideia para ajudar os pais e o meio ambiente. Eles criaram a KinderStuff, uma linha de roupa orgânica para crianças, que comercializa os vestuários e ainda aceita dos consumidores peças que não cabem mais nos pequenos como desconto para uma compra futura.

Segundo Alexander Reichhuber, a inspiração para a KinderStuff surgiu quando ele teve seu primeiro filho e identificou os altos preços das roupas que logo não iriam mais servir.

Para reduzir o valor das roupas a empresa simplificou o modelo de produção por meio da venda exclusivamente via internet. Com isso a equipe conseguiu reduzir os preços. Peças, por exemplo, de 30 euros (R$ 63) passaram a custar 12 euros (R$ 32).

kinderstuffAlém dos artigos serem mais baratos, a KinderStuff oferece até 20% de desconto na próxima compra – e até paga o transporte do retorno – para quem devolver a antiga peça. Dessa forma, os pais economizam dinheiro e a empresa consegue ajudar a reduzir o fluxo de resíduos produzidos pela indústria do vestuário.

As roupinhas devolvidas são separadas em duas pilhas. Roupas que estão muito danificadas são encaminhadas para a reciclagem. As outras que chegam com qualidade são direcionadas para a loja online para ser, novamente, comercializada. Um terço desses itens vendáveis também são doados ​​para uma organização de caridade que ajuda crianças.

Segundo o site Wired, as roupas produzidas na Europa e nos Estados Unidos são feitas com 100% de algodão orgânico, material seguro para as crianças e para o ambiente. No momento, a seleção de roupas é limitada a bebês de 0 a 2 anos. Mas a empresa espera ampliar os tamanhos para até seis anos de idade, bem como oferecer um portfólio mais amplo de vestuário.

roupasKinderstuff

About The Author

Noticiar o pensamento ecológico! Trazendo até vocês notícias e ideias que fazem a diferença para o meio ambiente e para a humanidade.

Related Posts