Este slideshow necessita de JavaScript.

Redação Arquitetura Sustentável

Quando pensamos em Vikings, a primeira imagem que nos vem a cabeça é a de um exército de guerreiros ferozes usando armas e capacetes com chifres. Mas você sabia que esses famosos escandinavos também foram grandes construtores de telhados verdes?

As fotos que vemos são reconstituições do que seria a arquitetura sustentável viking praticada muitos séculos antes da utilização de terraços jardins na arquitetura moderna ou dos parâmetros de sustentabilidade do LEED. As edificações tradicionais ficam localizadas em L’Anse aux Meadows (“Caverna das águas vivas”), no extremo norte da ilha de Terra Nova, no Canadá. O vilarejo se trata de um sítio arqueológico declarado como Patrimônio Mundial pela UNESCO em 1978, que reúne alguns exemplos de como as cidades do povo nórdico eram formados.

L’Anse aux Meadows, que quase pode passar despercebida aos olhos de um observador devido a sua camuflagem natural, já foi uma pequena cidadela movimentada com oito edificações construídas pelos vikings há pelo menos cinco séculos antes da chegada de Cristóvão Colombo ao continente americano. Como as construções originais datam um período muito antigo, foram erguidas reconstruções a partir de estudos históricos e arqueológicos, e vestígios encontrados no local. Segundo essas pesquisas, as casas eram feitas com pedras e madeiras locais e seus telhados eram cobertos por vegetação gramínea que servia como um isolante natural.

Atualmente, o sítio é aberto a visitação e dentro das casas são expostos objetos utilizados pelos vikings.

Informações em: Inhabitat

Imagens: Human and Natural / Heritage Daily / Paul Illsley / Find Gary / L’Anse aux Meadows, New Foundland / Panoramio / Wendy Nutall