Criado nos EUA, novo forno solar não emite CO2 e ainda ajuda a reduzir desperdício de alimentos.  Foto: Divulgação/GoSun Stove

Criado nos EUA, novo forno solar não emite CO2 e ainda ajuda a reduzir desperdício de alimentos.
Foto: Divulgação/GoSun Stove

Por Gabriel Felix/CicloVivo

Um novo forno sustentável e eficiente criado nos Estados Unidos permite que os usuários aproveitem os raios de sol para cozinhar, assar, fritar e ferver as refeições, em, no máximo, 20 minutos. Batizado de GoSun Stove, o fogão é portátil e resistente às temperaturas baixas – basta estar exposto ao sol para garantir o preparo da comida.  Além de facilitar a alimentação nos acampamentos, o principal objetivo do forno é atender comunidades isoladas, em que a comida é preparada a partir da queima de lenha.

Produzido com alumínio e potentes materiais sensíveis à luz do sol, o GoSun Stove não se limita ao cozimento simples das refeições, podendo ser usado até mesmo para preparar pratos mais sofisticados e ainda fazer café e chás. O equipamento tem uma versão em menor tamanho e também é aliado ao combate ao desperdício de alimentos, uma vez que a comida pode ser fracionada no interior do forno. O calor interno mantém aquecidas as refeições e bebidas preparadas no sistema, por mais que as temperaturas não estejam tão altas do lado de fora.

forno_solar_gosun_stove_2

Em fase de venda e captação de recursos em um site internacional de financiamento coletivo, um dos principais objetivos do GoSun Stove é atender às pessoas que vivem em localidades isoladas, que ainda têm por costume o preparo dos alimentos nos fornos a lenha, um dos principais inimigos da saúde e do desenvolvimento sustentável no mundo, já que a prática é responsável por boa parte das emissões de carbono e por milhares de mortes todos os anos. O vídeo abaixo (em inglês) apresenta o objeto:

 

About The Author

Noticiar o pensamento ecológico! Trazendo até vocês notícias e ideias que fazem a diferença para o meio ambiente e para a humanidade.