Redação BBC/Brasil 

Os bishnois, que formam uma tribo no oeste da Índia, são apontados como os “ecologistas mais antigos do mundo”. Eles vivem em uma região árida perto do deserto de Thar e seguem uma filosofia de proteção às árvores, compaixão por todas as criaturas vivas e harmonia com o meio ambiente.

Muito antes de as campanhas e mobilizações de ativistas ambientais se tornarem populares, centenas de bishnois já haviam perdido a vida defendendo a causa. Uma pintura em um restaurante da tribo, por exemplo, mostra um incidente de 1730, no qual 363 bishnois, entre homens, mulheres e crianças, morreram tentando proteger árvores que seriam derrubadas por ordens do rei, que queria construir um palácio.

Nos vilarejos desta tribo, aves e animais andam livremente e são alimentados pelos moradores.

Este slideshow necessita de JavaScript.

About The Author

Noticiar o pensamento ecológico! Trazendo até vocês notícias e ideias que fazem a diferença para o meio ambiente e para a humanidade.