REDAÇÃO ECOPENSAR

As motos são modelo Scooter, com tecnologia alemã e design italiano. Foto: Divulgação

As motos são modelo Scooter, com tecnologia alemã e design italiano. Foto: Divulgação

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) vai usar motocicletas elétricas operando na distribuição de cartas e encomendas. Duas motos modelo Scooter, com tecnologia alemã e design italiano, já estão operando em Belo Horizonte. Na próxima semana, mais duas irão trabalhar na entrega em São Paulo (SP). Os testes serão realizados até o fim de março.

Segundo a empresa, usar veículos elétricos faz parte da política de sustentabilidade dos Correios, que visa atingir um desempenho ambiental correto, por meio do gerenciamento dos impactos ambientais e da busca contínua de melhoria de processos, serviços e produtos oferecidos pela empresa.

Para tanto, a empresa já utiliza veículos elétricos de calçadão em Curitiba (PR) e Porto Alegre (RS) e pretende expandir neste ano o uso do veículo para cidades de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Santa Catarina.

Entre outras ações sustentáveis, os Correios, também, realizam a Coleta Seletiva Solidária, que promove a separação dos resíduos recicláveis descartados (papel, vidro, plástico, metal e orgânico) e a sua destinação às associações/cooperativas de catadores de materiais recicláveis; mantêm o programa EcoPostal (que destina uniformes e malotes sem condições de uso para cooperativas que os transformam em roupas, mochilas e sandálias) e promovem o descarte adequado de resíduos especiais como pneus, computadores, lâmpadas fluorescentes, óleo lubrificante e baterias de veículos.

About The Author

Thiago Itacaramby é jornalista diplomado e especialista em Marketing. Possui experiências profissionais nos setores público e privado. Atua em órgãos não governamentais ligados ao meio ambiente e possui conhecimentos na elaboração de projetos. Estudante de Gestão Ambiental no Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT).

Related Posts