Inversão de temperatura prende a poluição no nível da cidade

Inversão de temperatura prende a poluição no nível da cidade

Por Diego Denck/Mega Curioso

Com 11,5 milhões de habitantes, Pequim é famosa por algo não muito bom: a sua poluição. Porém, a imagem que você vê nesta matéria não é da capital chinesa, mas, sim, de Almaty, no Cazaquistão.

A cidade tem pouco mais de 1,1 milhão de moradores, mas uma nuvem de fumaça que faz “inveja” a grandes centros urbanos ao redor do mundo. Nessa foto, feita janeiro de 2014, podemos visualizar a poluição acumulada sobre a cidade e também uma cadeia de montanhas acima de toda essa nojeira.

Um relatório de 2007 classificou Almaty como a nona cidade mais poluída do mundo, mas, desde então, nada foi feito para melhor o ar da maior cidade do Cazaquistão. Porém, coletar dados do país sobre a condição climática e ambiental é bastante difícil, por isso raramente se fala da cidade na lista de piores do mundo no quesito qualidade do ar.

A foto impressionante só foi conseguida por conta de uma inversão de temperatura: normalmente, ela diminui com a altitude; porém, nessa imagem, nota-se que a camada superior é mais quente, criando uma espécie de “tampa” que segura o ar frio e poluído na cidade mais abaixo. Incrível, hein?